agnt não quer só comida
Nova carta a um jovem chef
há 2 meses • Por Laurent Suaudeau

"(...) É por isso que eu digo que o que é ensinado é válido, mas para colocar em prática, o cozinheiro precisa ter o dom, que é o início de tudo nessa profissão. Sem ele, todo conhecimento assimilado não terá tradução exata na hora em que se está diante das panelas. A habilidade, a mão e sensibilidade natural são essenciais. Isso, junto com os conhecimentos teóricos, técnicas, metodologias e práticas, farão do profissional um grande cozinheiro ou simplesmente um cozinheiro. A maioria está nesse último grupo. Os bons serão poucos, porque só eles têm o dom, o talento na execução."

Suaudeau, L., Cartas a um jovem chef (2007)

Essa jornada de jovens talentos Nespresso é uma extensão daquela escrita há alguns anos atrás no meu livro "Cartas a um jovem chef".

O espectador encontrará nessa reunião de grandes talentos da gastronomia, os ingredientes que são fundamentais à elevação e aprimoramento de um grande cozinheiro: rigor, respeito, reflexão e paixão.


Quando falo de rigor, falo de precisão tanto na execução das receitas, do prato e de todo e qualquer trabalho que seja designado ao cozinheiro, mas também saliento a importância da apresentação pessoal e da postura dentro da cozinha.

O respeito também engloba dois diferentes caminhos. O primeiro deles é o respeito ao ingrediente. O cozinheiro não deve - nunca - desvirtuar a excelência do produto. O ingrediente deve ser valorizado e tratado com apreço e atenção, respeitando a sua origem e propriedades. Por outro lado, falo do respeito aos colegas e à qualquer outra pessoa que esteja trabalhando no mesmo ambiente. A convivência e a harmonia são princípios fundamentais para um bom trabalho e para bons resultados dentro de uma cozinha.

Sobre a reflexão, é extremamente necessário usar com inteligência os métodos e justas técnicas no produto oferecido. Um ingrediente, independente de qual seja, tem que ser tratado como deve ser tratado e as técnicas são fundamentais neste momento. É importante entender e pensar o produto antes mesmo de começar a cozinhar, para saber qual caminho seguir, e assim conseguir bons resultados. Também é importante refletir antes de executar os termos e as regras do programa. Pensar no que deve, no que pode e no que vai ser feito, para conseguir apresentar um prato reunido de equilíbrio e bom senso.


E por fim - mas não menos importante - a paixão. Um sentimento que é perceptível na finesse visual e gustativa do prato apresentado. É a alma presente nos trabalhos, no olhar e na concentração do jovem talento ao cozinhar. Um bom cozinheiro não é feito só de técnicas e habilidades, mas também de paixão e alma. É o que o fará cozinhar com o coração, a ter ideias, a pensar, a compartilhar com os colegas e a conseguir bons resultados.

E isso é ser um bom cozinheiro!

Thumbnail

Nespresso Brasil | Talentos da Gastronomia | Episódio 8

Canal Nespresso
10.213
Thumbnail

Nespresso Brasil | Talentos da Gastronomia | Episódio 5

Canal Nespresso
9.722
Thumbnail

Nespresso Brasil | Talentos da Gastronomia | Episódio 4

Canal Nespresso
9.459
Thumbnail

Nespresso - Talentos da Gastronomia - Teaser Geral

Canal Foodpass
507
Thumbnail

Cozinha Sem Fronteiras - Villa Lobos

Canal Foodpass
17
Thumbnail

Slow Food: Alimento Bom, Limpo e Justo para Todos

Canal Slow Food
17.404
Comunidade
O que anda rolando no nosso Instagram